Torne-se uma depiladora profissional

O que leva homens e mulheres buscar um modelo de corpo bonito? Nosso clima tropical favorece a preferência pelo hábito de manter-se livre dos pelos. Corpos cada vez mais expostos nas praias ou academias também é um dos motivos. Não é de hoje que nos incomodamos com os pelos. Na Grécia Antiga, por exemplo, as mulheres costumavam arrancá-los com as mãos ou colocar brasa sobre a pele para queimá-los. Era comum naquela época ingerir uma espécie de chá capaz de diminuir a dor, anestesiando o corpo todo. Algum tempo depois, a depilação começou a ser feita com pastas caseiras. Algumas delas são utilizadas ainda hoje, como um tipo de xarope espesso composto de açúcar e sumo de limão.

Nos últimos anos, os homens também têm se interessado mais por produtos e tratamentos de beleza. Não é difícil encontrar manicures, massagistas e depiladoras, por exemplo, com horários reservados para homens. Vale lembrar que o Brasil é um dos maiores produtores e consumidores de cosméticos do mundo, ocupando o segundo lugar no ranking dos países que mais consomem cosméticos masculinos, além de ser o segundo país em cirurgias plásticas.

O curso Depilação Feminina e Masculina é destinado a pessoas que pretendem se especializar nessa área e ser um profissional diferenciado no mercado estético. A depilação pode ser divida em duas categorias: facial e corporal. Esta se refere às pernas, axilas e virilhas (quando realizada em homens, normalmente é nomeada “depilação íntima masculina”). A outra se caracteriza pelas áreas do rosto, como as sobrancelhas, o buço e a barba.

A depilação da virilha tem sido inovada nos últimos tempos. Ao invés de retirar apenas os pelos da virilha em si, homens e mulheres preferem deixar a região pubiana sem pelo algum. Nos últimos meses, devido a algumas fotos publicadas na revista Playboy, a depilação total da virilha, também conhecida como tricotomia e brasilian flat, tem sido a mais pedida pelo público feminino em centros de estética de todo o país.

Fonte: CPT

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Saiba evitar inflamações e infecções na depilação

O perigo da excessiva exposição solar para a pele

Fechar