Conheça um pouquinho da nossa História

 

Escrita pelo Sr. Maurino Anastacio de Moraes, Fundador da Cerapura Indústria e Comercio Ltda.

As grandes empresas em geral começam pequenas e até informais, e seu começo, muitas vezes, nem ao menos é planejado.

Os motivos para sua criação podem ser uma circunstância, sorte, algum tipo de erro ou uma ideia.

Em Novembro de 1985 fui à cidade de Lages/SC, para jogar um Torneio de Xadrez, e na ocasião, era sócio da Depilação Patrícia, que este ano já comemorou 27 anos. As partidas eram à noite, portanto o dia era livre, e numa tarde fui visitar o Mercado Municipal da cidade, e para minha surpresa vi duas ou três bancas que vendiam mel e cera de abelha, produto este usado na fórmula da cera depilatória, em grande quantidade, resolvi então trazer 50 kg e pedi ao vendedor (Sr. Lemos), já falecido, para separar em dois sacos de 25 kg, pois havia ido de ônibus.

Tínhamos muita dificuldade de adquirir cera de abelha em São Paulo, e a qualidade da cera em Santa Catarina, era excepcional. Para ter uma ideia, numa ocasião fui buscar 1,5 kg em uma galeria do Centro de São Paulo, que tinham apiário no Interior Paulista.

No Torneio seguinte em Santa Catarina, resolvi ir de carro, abaixei o banco traseiro e trouxe 300 kg de cera de abelha. Ao retornar, calculei que esta carga seria consumida em 4 ou 5 anos, este talvez foi o erro bom que me aconteceu, pois a saída era revender o produto para outros salões de depilação!

A partir daí comecei a anotar telefones de Depilação por onde passava e também acompanhar anúncios de emprego que solicitavam depiladora, e comecei a fazer contato oferecendo apenas a cera de abelha, daí as clientes começaram a perguntar:

– O Sr. não vai vender o breu?

– O Sr. não vai vender canecos, papel, espátulas…

Assim começou a CERAPURA, que na ocasião era a cera do Maurino, ressaltando que o mercado durante a década de 80 e meados de 90 só adquiria matéria-prima, pois a grande maioria tinha a receita da cera.

Aos poucos consegui clientes para a cera pronta, que hoje já representa o maior volume de vendas. Meu primeiro pedido de cera pronta foi para o bairro da Casa Verde, e foi de apenas 3 quilos, a partir desta venda acreditei ser possível aumentar a clientela, o que exigiu grande dose de persistência.

Durante seis anos, até 1991, eu trabalhava praticamente sozinho, fabricando, vendendo, entregando, recebendo e indo buscar a cera de abelha em Santa Catarina, quando ficava ausente por uma semana, deixando uma secretária eletrônica, solicitando aos clientes deixarem seu recado ou pedido, que funcionava para as já clientes, sendo que as novas desistiam.

Aos sábados fabricava a cera para nosso salão e para atender outros salões, aproximadamente 20, 30 ou 40 kg, de acordo com as vendas da semana.

 

Datas Importantes:

  • Em 1989, passei a ter ajuda da Olga (vendedora e secretária)
  • Em 1998, alugamos o primeiro imóvel, na minha rua, onde fabricávamos e estocávamos a cera pronta, matéria-prima e acessórios.
  • Ainda em 1998, tivemos a primeira contratação, foi o Sr. Edson, que fazia as entregas.
  • Em 2000, a Adriana juntou-se ao grupo ajudando a Olga.
  • Em 2001, veio o Alexandre.
  • Em 2002, alugamos o galpão da Av. Leblon que é nossa sede industrial até hoje, local que a CERAPURA passou a existir juridicamente.
  • Depois a Daniela, como assistência técnica externa ainda em 2002, e no final de 2004 o Julio.

Hoje temos poucos funcionarios, mas já somos uma empresa de pequeno porte, acredito poder crescer ainda mais.

 

Considerações Finais:

Consegui uma divulgação impressionante, devido a qualidade e o atendimento, e principalmente, que foi o fator decisivo para nosso sucesso, a entrega em domicílio (pensem que naquela época não tínhamos a Internet, e a persistência foi outra razão para a idéia dar certo).

Agora deixo a decisão por conta de vocês, foi sorte, planejamento, idéia, erro, perseverança?

 

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!