Cuidados essenciais com a pele oleosa

Por Mariana Pajuelo

Quem tem pele oleosa sabe o drama que é controlar o excesso de brilho. Lavar o rosto várias vezes durante o dia, passar lencinhos umedecidos e produtos adstringentes são algumas das medidas preventivas mais comuns. Mas qual delas realmente funciona?

A pele oleosa é resultado da produção excessiva de sebo pelas glândulas sebáceas. Essas são as ferramentas do nosso organismo responsáveis pela lubrificação e impermeabilização da pele e dos pelos. Quando, por algum motivo, há uma disfunção endócrina, pronto! Aquela sensação chata de pele úmida não passa.

A boa notícia: com as nossas dicas – e a ajuda do seu médico, ok? – é possível, sim, dar um chega pra lá no brilho indesejado. Mas lembre-se: estresse, maus hábitos alimentares e excesso de sol, por exemplo, podem fazer o seu esforço ir por água abaixo.

A pele é o maior órgão do corpo humano e fica em contato com todo tipo de agressão externa. Peles oleosas pedem atenção especial à limpeza. Especial não significa excessiva: o certo é lavar o rosto duas vezes por dia com sabonetes adstringentes (e sem álcool) e, em seguida, aplicar um hidratante. No primeiro procedimento, finalize com bloqueador de alta proteção solar. Produtos em forma de loção, gel ou sérum são mais indicados porque têm uma composição mais levinha, que não entope os poros. Antes de passar na farmácia, peça a opinião do seu dermatologista.

A pele é o maior órgão do corpo humano e fica em contato com todo tipo de agressão externa. Peles oleosas pedem atenção especial à limpeza. Especial não significa excessiva: o certo é lavar o rosto duas vezes por dia com sabonetes adstringentes (e sem álcool) e, em seguida, aplicar um hidratante. No primeiro procedimento, finalize com bloqueador de alta proteção solar. Produtos em forma de loção, gel ou sérum são mais indicados porque têm uma composição mais levinha, que não entope os poros. Antes de passar na farmácia, peça a opinião do seu dermatologista.

Maquiagem para pele oleosa

Dê preferência para fórmulas sem óleo na composição. Base e corretivo em pó são ótimos porque aderem melhor à pele oleosa e têm boa fixação (adeus, make borrado!). Quando friccionada, a pele responde com produção de sebo. As esponjinhas de aplicação, portanto, devem dar lugar aos pincéis mais suaves.

Você já conhece os nossos produto? Confira AQUI

*Com informações do site Tão feminino

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Qual é a melhor cera para depilar os pelos?

Você sabe como começar a atuar com depilação?

Fechar