Conheça o laser de rubi para remoção de tatuagens

A inovação no campo da estética nunca para. Isso porque novos estudos são feitos para o desenvolvimento de novos produtos para a beleza e bem estar dos consumidores. Entre as novidades está o laser de rubi. Ele é indicado especialmente para a remoção de tatuagens dos mais diversos tipos. Além disso, remove manchas na pele pigmentadas (pigmentos naturais) como manchas marrons, pintas ou lentigos senis.

Ele também pode ser utilizado para tratar hiperpigmentação pós inflamatória, remoção de maquiagem definitiva, melasma, remoção de lesões da mucosa oral e labial e remoção de pelos em peles claras.

Veja como funciona: O laser de Rubi é um laser com comprimento de onda de 694nm que pode ter pulso curto ou mais longo. Recebe este nome, pois a matriz que gera o laser é realmente um rubi. Esse laser tem alta afinidade com os pigmentos da pele, e hoje é muito utilizado, portanto, para remoção de tatuagens. Ele produz uma luz vermelha com grande quantidade de energia em um tempo extremamente curto, que é absorvido somente pela melanina ou pelo pigmento da tatuagem. Essa rapidez é importante para impedir a formação de um calor destrutivo que queime a pele ou danifique a sua estrutura.

A aplicação do laser de rubi, ainda mais em áreas extensas, só é feita depois de uso de cremes anestésicos na região, para evitar possíveis desconfortos. É importante também que o tratamento seja feito com uso de proteção ocular pelo paciente e pelo técnico que aplicará o laser, para evitar danos à visão e até mesmo cegueira.

As sessões de aplicação tem a duração de 10 a 30 minutos dependendo do tamanho da área tratada. Para remoção de tatuagens são necessárias de oito a 16 sessões, enquanto para manchas senis, entre uma e duas sessões são suficientes. É preciso que as sessões tenham intervalos de até 30 dias, para que o corpo se recupere.

Depois da aplicação do laser, a pele pode ficar um pouco vermelha e inchada, o que desaparecerá com o tempo. Pode se formar também uma leve crosta com o passar do tempo, que sumirá em de cinco a dez dias. Logo após o tratamento é importante que essas áreas sejam bem limpas, hidratadas e protegidas do sol com uso de protetor solar. Imediatamente após o tratamento, o efeito do laser sobre os pigmentos é o esbranquiçamento da área tratada. Depois de alguns minutos a pele poderá ficar um pouco vermelha e levemente inchada. Estes efeitos são normais e desaparecem com o tempo. Para retiradas de tatuagens não é necessário fazer sessões de manutenção. Já as manchas senis tendem a reaparecer após dois ou três anos.

Esse tipo de tratamento deve ser feito somente com médicos dermatologistas, por isso, caso tenha interesse em remover tatuagens ou algum desses tipos de manchas, procure um especialista.

*Com informações do site Minha Vida
Por Mariana Pajuelo

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Como prevenir manchas na virilha?

Por que as saladas são tão saudáveis?

Fechar