Salto alto no trabalho pode prejudicar sua saúde

Por Mariana Pajuelo

Atenção depiladoras e profissionais da beleza: apesar de ser chique, moderno e feminino, o salto alto pode trazer alguns problemas para a postura e circulação das pernas.

Vamos entender os motivos:

 A contração dos músculos das pernas, particularmente os das panturrilhas, é o principal mecanismo responsável por deslocar o sangue das pernas para as veias maiores do abdome, e daí de volta ao coração.

– O salto alto modifica o caminhar de suas usuárias, fazendo com que a musculatura das panturrilhas seja menos utilizada, o que certamente resulta em congestionamento do sangue nas veias da perna e aumento focal da pressão sanguínea nestas veias.

Para termos o funcionamento correto do nosso sistema circulatório, devemos ter nossos pés a 90° em relação ao solo. Assim podemos exercer o bombeamento de sangue nos membros inferiores a fim de fazer com que a circulação sanguínea se movimente e faça seu papel de nutrir e oxigenar os tecidos musculares, tecido ósseo e a pele, evitando inchaços nos pés.

Dito isto, fica mais fácil compreender por que os sapatos de salto alto interferem na fisiologia da caminhada e circulação. Além dos efeitos circulatórios, ao andar com saltos a mulher altera os grupos musculares normalmente requisitados, diminuindo a atividade dos músculos das pernas e aumentando-a nos músculos das coxas. Ainda o centro de gravidade do corpo fica alterado, podendo influenciar na postura. Algumas pacientes que usam salto continuamente chegam a apresentar encurtamento dos tendões de Aquiles (localizados nos calcanhares).

Uma forma de amenizar o impacto circulatório do uso do salto é realizar exercícios físicos simples, que podem inclusive ser feitos no trabalho, de maneira discreta. Movimentos de flexão e extensão dos pés (feitos na posição sentada, como se estivesse pisando intermitentemente no pedal do acelerador do carro) utilizam a musculatura das panturrilhas e, assim, melhoram o retorno do sangue para o coração. O uso de meias elásticas, desde que devidamente orientado por um cirurgião vascular, também pode aliviar sintomas em algumas pacientes.

Dicas importantes:

Se precisa mesmo usar salto alto, alterne entre um salto alto e um salto médio;

Massageie os pés no final do dia para ajudar a restabelecer a circulação;

Evite os saltos altos de bico fino;

Prefira saltos quadrados em vez de saltos com bico; os primeiros oferecem maior estabilidade;

Depois de usar saltos altos, perca algum tempo alongando suas panturrilhas.

*Com informações do site Minha Vida e Receita de Vida

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Alimentos que deixam sua pele bonita e saudável

A depilação em método espanhol

Fechar