Mel e própolis para sua saúde

Por Mariana Pajuelo

Já apresentamos aqui no blog os grandes benefícios do mel da abelha, principalmente na área da beleza, como vimos o processo para a produção da cera que é utilizada na depilação. Mas hoje vamos destacar o uso do mel e do própolis na alimentação e saúde, graças à nossa querida e aliada abelha.

Própolis

O própolis se origina na colheita da resina das flores e se mistura à cera e outras secreções das abelhas para se formar. Rico em aminoácidos, vitaminas, bioflavonóides e ácidos aromáticos, é considerado um poderoso antioxidante e é capaz de aumentar a resistência do organismo contra infecções e gripes, além de acelerar a recuperação da pele e auxiliar na defesa do organismo. Também previne de câncer e doenças autoimunes, cardiovasculares e gastrointestinais, por combater radicais livres.

Estudos ainda mostraram que o própolis possui ação antibacteriana. Eles apontam que as bactérias não criam resistência à própolis, como acontece com os antibióticos sintéticos, impedindo que estas se tornem mais nocivas, perigosas e resistentes.

Estudos científicos também apontam o benéfico da própolis para o fortalecimento do sistema imunológico. O fato de estimular as células imunológicas torna a própolis um potente agente anti-infeccioso. Ela estimula a produção de células produtoras de anticorpos e globulinas, importantes para pacientes com baixa resistência.

Composição química do própolis

Resinas e bálsamos aromáticos: 50%

Ceras: 25 a 35%
Óleos essenciais: 10%
Grãos de Pólen: 5%
Minerais: alumínio, cálcio, estrôncio, ferro, magnésio, silício, titânio, bromo e zinco.
Vitaminas: pró-vitaminas A e todas do complexo B.
Flavonoides: Ésteres cafeinados.

Mel

Essa que é a substância mais produzida pelas abelhas contém água, frutose, sacarose, glicose (carboidratos), potássio, ferro, sódio, enxofre, cobre, fósforo, zinco, selênio, cloro, cálcio, magnésio, proteínas e vitaminas A, E, C e do complexo B, além de flavonoides e ácidos fenólicos.

O mel aumenta a imunidade, auxilia na má digestão e na recuperação de úlceras gástricas – por possuir enzimas que facilitam a digestão – também ajudando a tratar problemas como bronquite, asma e dor de garganta, graças às suas características antibióticas e antissépticas.

O mel é o único produto doce que contém proteínas e diversos sais minerais e vitaminas essenciais à nossa saúde. Além do alto valor energético, possui conhecidas propriedades medicinais, sendo um alimento de reconhecida ação antibacteriana.

*Com informações do site Minha Vida e Mais Equilíbrio

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
A incrível transformação da cera de abelha

Sem susto no espelho: Estrias podem ser prevenidas

Fechar