A história da cera e sua versatilidade

Por Mariana Pajuelo

Sempre nos lembramos de que a cera é sinônimo de depilação. Mas muito se pode fazer com esse produto tão versátil. Um de seus diferenciais é que, como a cera possui oxidação lenta, dura por muito tempo, desde que não seja atacada por traças da cera ou exposta a altas temperaturas.

Quem pensa que a palavra Múmia tem origem egípcia se engana. A palavra “moum” é de origem persa, que significa cera. Entre os romanos fazia-se o uso da cera para modelar o perfil humano. Além disso, os romanos eram conhecidos por fabricar frutas de cera que eram impossíveis de ser diferenciadas das originais. Praticamente todos os povos da Antiguidade usavam cera nas cerimônias religiosas.

Pode parecer incrível, mas a cera de abelha era usada, dentre outras aplicações, como pagamento de tributos, taxas e multas. Em 181 depois de cristo, a cidade de Córsega (uma ilha ao sul da França) pagava a Roma 38 toneladas de cera a titulo de tributos.

Ainda na idade média, tabletes de madeira cobertos com cera eram utilizados para correspondência e inscrições provisórias. Para escrever utilizava-se um instrumento de metal afiado de um lado e largo e achatado do outro, que seria para apagar. Na Igreja pode simbolizar a carne de Cristo, e durante as cerimônias religiosas eram utilizadas velas fabricadas de cera; o pavio simboliza a alma de Cristo, e a chama a divindade. Tanto o mel quanto a cera são considerados alimentos sagrados.

No campo medicinal, entrava na composição de pomadas, unguentos e emplastos. Mascar cera estimula a salivação, facilitando a digestão, pois estimula as atividades secretórias e motrizes do estômago, ao mesmo tempo em que elimina o tártaro dos dentes e fortifica a gengiva.

As populações tradicionais indígenas e não indígenas como os quilombolas, fazem uso deste recurso para combate natural de pragas, benzimentos, rituais e artesanato, constituindo um traço cultural significativo.

As ceras eram utilizadas também na impermeabilização de vasos, cestos, barcos, tecidos ou como combustível para lamparinas.

A Cera é utilizada para a fabricação de cosméticos, como maquiagens, cremes e batons. É utilizada também para fabricação de medicamentos, produtos médicos e cirúrgicos, refratários, velas artesanais, para dentição infantil, cera depilatória e muitas outras aplicações.

Na Cerapura, utilizamos a cera para depilação. Nossas ceras são altamente elásticas, com baixa fusão e tempo de secagem médio. As embalagens foram criadas para facilitar o dia a dia da profissional, adequam-se perfeitamente em panelas elétricas e canecos de todos os tamanhos e você consegue visualiza-las mesmo antes de abrir a embalagem.

*Com informações da GM Ceras

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Cuide da seborreia e previna a acne no rosto

Veja as causas de alergias na depilação e como preveni-las

Fechar