Aplique o protetor solar de forma correta

Pode parecer fácil, mas utilizar o protetor solar não é tão simples, principalmente quando falamos de Brasil, localizado entre o Trópico de Capricórnio e Linha do Equador, a área mais próxima do Sol. Mas você pode aproveitar bem o verão sem se descuidar da pele. Antes de adquirir um protetor e aplicá-lo, leve em consideração as informações abaixo, que serão muito úteis para todos os tipos de pessoas.

Use a quantidade certa

A quantidade certa de protetor solar para prevenir os efeitos danosos do sol a ser aplicada na pele é de 2 mg/cm² , o que corresponde a cerca de 40 ml para um indivíduo que pese 70 Kg. Em medidas práticas, utilize a medida de uma colher de chá de protetor solar no rosto e no pescoço, uma colher de sopa de protetor para a parte da frente do tronco e outra para a parte de trás, uma colher de sopa para cada braço, uma colher de sopa para a parte da frente de cada perna e outra para a parte de trás de cada perna. Com essas quantidades, o ideal é que seu protetor dure no máximo três finais de semana.

Passando a quantidade correta de protetor solar você estará protegido com o FPS indicado na embalagem, caso contrário a proteção será diminuída. Antigamente a orientação era usar filtro solar com FPS 15, no entanto, alguns estudos mostraram que era comum que as pessoas passassem o protetor da maneira errada, diminuindo muito o FPS, por isso a orientação de valor de FPS passou a ser 30.

Espalhe bem

Cada tipo de protetor solar deve ser passado de uma forma específica. Os cremes podem ser espalhados com movimentos circulares das mãos, já os fotoprotetores em gel devem ser aplicados em sentido único, sem fazer círculos, caso contrário o protetor solar irá esfarelar e a cobertura fica comprometida. Já o spray deve ser borrifado generosamente sobre a pele para garantir uma cobertura, mas não deve ser espalhado com as mãos em seguida. Essa atitude prejudica a cobertura e pode expor algumas áreas do corpo a queimaduras.

Como fazer a primeira aplicação

A primeira aplicação de protetor solar é a mais importante, principalmente quando você vai para a praia ou para a piscina, pois essa é a única oportunidade de criar um filme homogêneo sobre toda a pele. A dermatologista Érica Monteiro explica que a primeira aplicação deve ser feita em casa, sem roupas, sem transpiração e com a pele limpa. O maiô ou o biquíni podem mudar de posição com a movimentação e, consequentemente, alguma área pode ficar desprotegida e sofrer queimadura. A transpiração, por sua vez, pode dificultar a aplicação uniforme do filtro. Espalhe bem o filtro e espere que ele seque antes de vestir a roupa. Érica explica que, hoje em dia, a maioria dos protetores solares apresenta proteção imediata, no entanto, o mais importante é seguir as instruções do rótulo. Lembre-se das áreas que geralmente são esquecidas, como dorso dos pés, mãos, nuca e orelhas.

Como fazer a reaplicação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) é bastante rigorosa com as informações presentes no rótulo dos protetores solares, como tempo de reaplicação e tipos de radiação que o filtro protege. Mas, de forma geral, os dermatologistas recomendam a reaplicação de três em três horas no dia a dia e de duas em duas horas caso você trabalhe ao ar livre, esteja transpirando excessivamente ou esteja na praia ou na piscina. Depois de entrar na piscina ou no mar, o indicado é se enxugar com a toalha e reaplicar o produto no corpo todo.

*Com informações do site Minha Vida
Por Mariana Pajuelo

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Cuidados importantes antes e depois da depilação

Cuide de sua saúde com a Vitamina D

Fechar