Como evitar o escurecimento da virilha

Por ser uma região delicada com pele fina e sensível, a virilha pode ficar escura, cheia de bolinhas ou irritada por causa da depilação, e isso passa a ser um problema comum entre as mulheres.

Uma das causas é por ser um local de dobra, sempre quente e úmida devido à transpiração, com pelos que geralmente são removidos, por isso a virilha tende a ficar mais escura. Outros fatores se deve pelo próprio atrito das lâminas e em decorrência da irritação ocasionada com o uso das ceras quentes e frias. O uso constante de calcinhas sintéticas muito apertadas também prejudica a região. Essa combinação agride a pele e ativa um mecanismo de defesa que acabe escurecendo a pele, principalmente em peles morenas. A umidade da virilha piora o quadro e que o uso constante de calças jeans justas, principalmente dos dias quentes, também agrava o problema e facilita a proliferação de fungos e bactérias, que causa coceira e descamação.

Mas há uma solução: Evitar o atrito excessivo com a lâmina e não passá-la na pele “a seco” são hábitos fundamentais. Se a pele estiver muito irritada por causa da cera ou com pelos encravados, a dica é deixar a pele descansar alguns dias. Aplicar cremes calmantes com azuleno, silicone, alantoina ou Aloe Vera também é uma boa opção. Em caso de contaminação por fungos e bactérias, a dica da especialista é recorrer, com prescrição médica, aos cremes com antimicóticos. Se a região estiver avermelhada, o ideal é se proteger do sol para evitar manchas na virilha. É importante também não depilar a região com cera logo no dia da exposição ao sol. Outro aliado para combater o escurecimento da pele é o uso diário de talco, que ajuda a manter a região sequinha. O segredo é sentir o conforto, o prazer e o charme de um vestido ou saia, leves e femininos.

Para clarear virilha escura, o truque é usar uma vez ao dia cremes com ureia e ácido salicílico (ureia a 10 % + ácido salicílico a 3 % em creme hidratante – 30 g, pode ser aviado em farmácia de manipulação).

Com a irritação constante da depilação, a pele engrossa e fica mais difícil para os pelos emergirem normalmente. Surgem assim as bolinhas vermelhas e os nódulos doloridos na virilha. A cera (quente ou fria) é a que mais causa o encravamento dos pelos. As lâminas, ainda que também possam provocar certo encravamento pelo atrito, quando usadas com cremes deslizantes dão menos problemas. Após a depilação, por cerca de três ou quatro dias, os dermatologistas receitam cremes com corticoide mais gentamicina, que evitam a inflamação.

Fonte: Bolsa de Mulher
Por Mariana Pajuelo

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Leia o post anterior:
Conheça mais a história da depilação

O formato de unha que combina com você

Fechar